________LEIA A MATÉRIA MAIS ABAIXO_______


Data: julho 07, 2021

Ministros em pânico: STF interfere para impedir Voto Auditável





Paulo Eduardo Martins mencionou a articulação do Supremo Tribunal Federal para barrar a medida


O presidente da comissão especial que trata do voto auditável, deputado federal Paulo Eduardo Martins (PSC-PR), reconheceu nesta terça-feira, 6, que não deve prosperar no colegiado a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que viabiliza a medida. “O cenário é por desaprovação”, disse, em entrevista à CNN Brasil.


Segundo o parlamentar, o clima mudou depois que onze siglas articularam-se para barrar o texto. Conforme noticiou a Revista Oeste, ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) costuraram o acordo junto a lideranças partidárias. A dança das cadeiras já ocorreu no colegiado, de modo a impedir o avanço do texto.


“Está ocorrendo uma articulação agressiva, com interferência do STF, isso é público, após reunião com ministro da Corte veio a mudança, muito se fala sobre harmonia entre os poderes, mas tem de haver distanciamento”, acrescentou o parlamentar, ao mencionar que a discussão está emperrada na comissão.





______________________________________________________
COMPARTILHAR ARTIGO NAS REDES SOCIAIS
______________________________________________________





"Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem"

MAIS LIDAS