Públicidade

URGENTE: Empresários ligados ao MBL, presos por lavagem de dinheiro, podem delatar deputados do movimento

Foto: Internet


O líder do Kim Patroca Kataguiri, está num mato sem cachorro. Hoje foi preso dois membro do Movimento Brasil Livre (MBL).


Os nomes dos presos ainda não foram divulgados, mas, conforme a Globo News, trata-se de Alessander Mônaco Ferreira e Carlos Augusto de Moraes Afonso.


Os presos podem delatar Kim, e o deputado pode sofrer impeachment, caso tenha envolvimento com os membros que forma presos.


No entanto, se o deputado é o principal líder do movimento é muito provável, que ele seja o mentor e o cabeça de tudo que rola nos bastidores do movimento.



Pode existir a possibilidade dos crimes cometidos pelos empresários não estejam ligados ao instituto BML ou pode ser que estejam diretamente ligado, no caso se estiver ligação, com certeza será atrelado ao líder do movimento.


O deputado escreveu um artigo no site do movimento informando que os presos não fazem parte do quadro de membros do grupo. 

Tags

Postar um comentário

0 Comentários
Os cometários não representam opinião do site, a responsabilidade é unica do autor do comentário. Todos os comentários são revisados pela administração.

Publiciade

Publiciade