_________________________________________________________





Data: março 26, 2020

Aconteceu o que Bolsonaro previa; Empresas começam despedir funcionários




Foto: Internet

Já está acontecendo de empresa começar despedir funcionários, assim como o presidente previu. Governadores, na maioria esquerdistas não deram ouvido para o discurso de Bolsonaro.


O presidente deixou bem claro que não precisava tal exagero por parte dos governadores em bloquear estradas interestaduais, impedindo assim, a transição de alimentos e insumos que muito das vezes seria até produtos para área da saúde.




Mas como os governadores não concordaram com o presidente da república, começou acontecer o temido por todos o 'desemprego'.


Segundo um vídeo postado por Eduardo Bolsonaro, a empresa de transporte terrestre, Cometa, demitiu parte de seus funcionários. No vídeo o cidadão diz que no plantão das 10 horas todos foram mandado embora. Assista o vídeo no final do texto! 


"Tudo pra rua, inclusive eu", disse o cidadão 


Uma imagem que transmite tristeza e desespero para quem está perdendo seu emprego, um alerta para o fim da quarentena.




No pronunciamento na última terça-feira (24) , Bolsonaro alerta para o fim do confinamento, para o Brasil voltar ao trabalho, caso contrário pode morrer muito mais gente. 


A fome mata muito mais pessoas!

Vídeo;



Publicidade

NÃO OS DEIXE NOS CENSURAR, INSCREVA-SE EM NOSSO CANAL NO YOUTUBE

Acadêmico de Ciências Contábeis, articulista político, entusiasta da comunicação e marketing digital. Deus acima de tudo! - - SIMPLESMENTE MINHA OPINIÃO | ESSE BLOG É DE OPINIÃO PÚBLICA

______________________________________________________
COMPARTILHAR ARTIGO NAS REDES SOCIAIS
______________________________________________________






"Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem"

BOLSONARO 38 (OFICIAL)
Grupo Público · 18.035 membros
Participar do grupo
Temos total liberdade de apoiarmos a direita encabeçada por Jair Bolsonaro e depois Sergio Moro. junte-se a nós.

MAIS LIDAS